Deixe um comentário

Grupo Gfk vai medir audiência em 15 capitais usando nova tecnologia; Saiba Mais

Leonardo Petrelli Neto, presidente executivo Grupo RIC PR; Dominiqui Vancraeynest e Fabio Wajngarten, Instituto GFK; Marcello Corrêa Petrelli, presidente executivo Grupo RIC SC; Marcus Vinicius e Marcello Silva

Leonardo Petrelli Neto, presidente executivo Grupo RIC PR; Dominiqui Vancraeynest e Fabio Wajngarten, Instituto GFK; Marcello Corrêa Petrelli, presidente executivo Grupo RIC SC; Marcus Vinicius e Marcello Silva

A tradicional pesquisa de audiência televisiva não será mais exclusividade do Ibope no Brasil a partir de janeiro de 2015, quando o Instituto GfK (Growth for Knowledge) começará a aferir os números de quatro grandes emissoras de televisão nacionais. Entre as novidades trazidas pelo grupo, que vem da Alemanha, está a garantia de que 15 cidades em todas as regiões do país terão dados sobre audiência em tempo real.

No final do mês a Gfk fez uma apresentação de sua metodologia para os principais executivos e diretores da Rede Record. O evento foi realizado na sede da emissora, no bairro Barra Funda, em São Paulo. Estiveram presentes Dominique Vancraeyenest, responsável pelos negócios mundiais da GFK, além dos executivos da empresa Fabio Wajngarten e Antonio Salvador.

Segundo a GfK, a análise incluirá transmissões por via terrestre, cabo e satélite. Seis mil domicílios, sendo 240 em Florianópolis, receberão um medidor eletrônico para fazer a aferição dos números em tempo real. Outras 14 cidades, em todas as regiões do país, terão o equipamento. Atualmente, o Ibope faz esse levantamento em oito cidades, nenhum do Norte ou Centro-Oeste.

Quatro grandes emissoras já assinaram contrato com a GfK: Rede Record, Bandeirantes, Rede TV! e SBT. Com a medição feita em tempo real, elas podem prolongar quadros de programas ao vivo, dependendo dos resultados. “A parceria que estamos anunciando no Brasil é um passo muito estratégico, pois permitirá a nossa entrada na América do Sul. O Brasil oferece um enorme potencial”, comunicou, em nota, Gerhard Hausruckinger, membro do Conselho de Gestão da GfK e responsável pela área Consumer Choices.

O instituto informa que o serviço de medição de audiência que pretende implementar no Brasil usa tecnologia de ponta, que considera não apenas o conteúdo visto na hora em que é transmitido, mas também o gravado. Além disso, também inclui avaliações em tempo real e relatórios consolidados de um dia para o outro, bem como monitoramento de propaganda e spots.

A Gfk atua no segmento de medição de audiência de TV em diversos países, incluindo Alemanha, Áustria, Bélgica, Holanda, Líbano, Portugal e Ucrânia; e também aufere audiência de rádio na Austrália, Suíça, Bélgica, Holanda e outros países. Em 2012, o faturamento da empresa foi maior do que 1,5 bilhão de euros.

Onde terá medição?

Cidade / Estado

Número de residências acompanhadas

São Paulo (SP)

1.600

Rio de Janeiro (RJ)

920

Belo Horizonte (MG)

390

Porto Alegre (RS)

330

Distrito Federal (DF)

300

Curitiba (PR)

300

Recife (PE)

290

Salvador (BA)

290

Florianópolis (SC)

240

Fortaleza (CE)

240

Belém (PA)

220

Vitória (ES)

220

Manaus (AM)

220

Campinas (SP)

220

Goiânia (GO)

220

Total

6.000

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: